O Casamento

O Casamento

O Casamento

→ O objetivo deste diálogo é (1) expor a forma como entendo, (2) ser auxiliado na detecção de erros ou equívocos e (3) tentar entender outros pontos de vista.

→ Caso discorde de algum tópico e queira enviar um e-mail para mim, siga as instruções abaixo:

1. Mencione o número do tópico do qual você discorda.

2. Explique, usando argumentos lógicos.

3. Fundamente o seu entendimento, com referências bíblicas (livro, capítulo e versículo).

4. Use um comentário curto e objetivo, com palavras simples, fácil de entender, a medida do possível.

ka.carlos007@gmail.com

-----------------------------------------------------------------------------------------------

[1] O casamento, de acordo com a Escritura, é a UNIÃO SEXUAL - heterosexual - RESPONSÁVEL, com compromisso, com AMOR (Cl 3:19 - Ef 5:25 - Ef 5:28 - Ef 5:33 - 1Pe 3:7)(Ef 5:33 - Tt 2:4), pois o padrão da Escritura, para o casamento, é PRIMEIRO deixar os pais (responsabilidade) e, DEPOIS, unir-se a uma mulher (sexo, com amor, responsabilidade) (Ef 5:31 - Mt 19:4-6)(Hb 13:4); a expressão "deixar os pais" têm o sentido de "morar em outra casa" e de "se sustentar sozinhos"; sabemos que o IDEAL seria ter uma casa própria, MAS, como muitas pessoas não têm condições financeiras para isso, devemos tentar chegar ao mais próximo do ideal, por exemplo: alugar uma casa, morar no terreno da casa dos pais (seus ou dela), com permissão dos pais, porém em casas separadas!

[2] Na Escritura, embora haja passagens que registrem "festas de casamento" (João 2:1-3), (a) NÃO há NENHUM mandamento que diga que o casal deva fazer uma "cerimônia religiosa de casamento" (nem proíbe)", (b) NÃO há NENHUM mandamento que diga que se deve fazer "festa de casamento" (nem proíbe), (c) NÃO há NENHUM mandamento que diga que se deve haver algum "líder religioso"realizando tal casamento (nem proíbe), (d) NÃO há NENHUM mandamento que diga que o casal deve usar "anel de aliança" (nem proíbe) e (e) NÃO há NENUM mandamento que diga que tal casamento deva ter "registro em cartório" (nem proíbe)!

 

RECIPROCIDADE

O MAL QUE EU NÃO QUERO PARA MIM,

EU NÃO POSSO DESEJAR PARA ELA

[3] Existem passagens bíbiclas que enfatizam que os maridos DEVEM AMAR suas respectivas esposas, NÃO podendo tratá-las "asperadamente" (Cl 3:19 - Ef 5:25 - Ef 5:28 - Ef 5:33); a esposa também deve amar o marido, obviamente (Tt 2:4).

[4] Os maridos DEVEM AMAR suas respectivas esposas COMO A SI MESMOS, ou seja, é uma RECIPROCIDADE, pois o BEM que o esposo quer para si mesmo, ele DEVE desejar também para a esposa, o MAL que o esposo NÃO quer para si mesmo, ele NÃO pode desejar para a esposa, ou seja, basta o esposo se colocar no lugar da esposa e verificar se ele gostaria de ser tratado da forma como ele trata a esposa (Ef 5:28 - Ef 5:33)

[5] Os maridos DEVEM AMAR suas respectivas esposas, assim como Jesus Cristo AMOU a igreja (= grupo de irmãos em Cristo), DANDO A PRÓPRIA VIDA POR ELA (Ef 5:25).

Colossenses 3:19
19. Vós, MARIDOS, AMAI a vossas mulheres, e NÃO AS TRATEIS ASPERADAMENTE.

Efésios 5:28
28. Assim, DEVEM OS MARIDOS AMAR a suas próprias mulheres, como a seus próprios corpos. Quem AMA a sua mulher, ama-se A SI MESMO.

Efésios 5:33
33. Assim também vós, cada um em particular, AME A SUA PRÓPRIA MULHER como a SI MESMO, e a mulher respeite a seu marido.

Efésios 5:25
25. Vós, MARIDOS, AMAI a vossas mulheres, COMO também CRISTO AMOU a igreja, e a si mesmo se entregou por ela.

 

EVITANDO PALAVRAS OFENSIVAS E MENTIRAS

[6] Os maridos DEVEM HONRAR suas respectivas esposas, como sendo um vaso mais frágil (1Pe 3:7); se a mulher é "o vaso mais frágil", conclui-se que o homem seja "o vaso menos frágil"; as esposas DEVEM RESPEITAR seus respectivos maridos (Ef 5:33), portanto concluímos que DEVEMOS evitar palavras duras (Pv 15:1), palavras de ofensa, xingamentos, zombarias e asperesa (grosserias) e evitar mentir um para o outro (Cl 3:8-10). 

  

A DIVISÃO DO TRABALHO

[7] Deus criou o homem e lhe deu o TRABALHO de cuidar do jardim e cultivá-lo (Gn 2:15) e criou a mulher para SER COMPANHEIRA e AJUDÁ-LO, obviamente, para AJUDAR a fazer tal trabalho de cuidar do jardim e cultivá-lo (Gn 2:18); é coerente imaginar que o homem fazia o trabalho mais pesado (preparar a terra, por exemplo) e a mulher o ajudava no serviço MENOS PESADO (semear, por exemplo). 

[8] Como, em geral, o homem tem um PORTE FÍSICO mais forte do que o da mulher, é coerente que O TRABALHO MAIS PESADO seja executado por um homem; provavelmente, por isso, o trabalho doméstico seja, tradicionalmente, feito por mulheres, por ser um trabalho MENOS PESADO do que um trabalho BRAÇAL PESADO, tais como, carregar caixas pesadas, carpir terrenos, etc. Na Escritura Sagrada (Bíblia), há uma passagem que aconselha a mulher a estar ocupada em casa, com o trabalho doméstico (Tt 2:4,5), MAS também existe uma passagem que diz que a mulher pode ter um trabalho fora, remunerado (Pv 31:10-31) e, em nehuma parte da Escritura Sagrada (Bíblia), diz que o homem NÃO PODE ou NÃO DEVE executar trabalhos domésticos, NUNCA diz que o trabalho doméstico seja APENAS de mulher. Se existe trabalho, alguém tem que fazer, e nada mais justo do que DIVIDIR AS TAREFAS, de forma justa, de acordo com as POSSIBILIDADES FÍSICAS de cada pessoa e, para isso, nada melhor do que DIÁLOGO, sem palavras ofensivas, um esperando a vez do outro falar, tentando entrar em algum consenso (meio termo).   

Gênesis 2:15-18

15. O Senhor Deus colocou o homem no jardim do Éden para CUIDAR DELE E CULTIVÁ-LO.
16. E o Senhor Deus ordenou ao homem: "Coma livremente de qualquer árvore do jardim,
17. mas não coma da árvore do conhecimento do bem e do mal, porque no dia em que dela comer, certamente você morrerá".
18. Então o Senhor Deus declarou: "Não é bom que o homem esteja só; farei para ele alguém que o AUXILIE e lhe corresponda". 

 

Tito 2:4-5

4. Assim, poderão orientar as mulheres mais jovens a AMAREM SEUS MARIDOS e seus filhos,
5. a serem prudentes e puras, a estarem OCUPADAS EM CASA, e a serem bondosas e sujeitas a seus próprios maridos, a fim de que a palavra de Deus não seja difamada. 

 

Provérbios 31:10-31

10. Uma esposa exemplar; feliz quem a encontrar! É muito mais valiosa que os rubis.
11. Seu marido tem plena confiança nela e nunca lhe falta coisa alguma.
12. Ela só lhe faz o bem, e nunca o mal, todos os dias da sua vida.
13. Escolhe a lã e o linho e com prazer trabalha com as mãos.
14. Como os navios mercantes, ela traz de longe as suas provisões.
15. Antes de clarear o dia ela se levanta, prepara comida para todos os de casa, e DÁ TAREFA AS SUAS SERVAS.
16. ELA AVALIA UM CAMPO E O COMPRA; COM O QUE GANHA PLANTA UMA VINHA.
17. Entrega-se com vontade ao seu trabalho; seus braços são fortes e vigorosos.
18. ADMINISTRA BEM O SEU COMÉRCIO LUCRATIVO, e a sua lâmpada fica acesa durante a noite.
19. Nas mãos segura o fuso e com os dedos pega a roca.
20. Acolhe os necessitados e estende as mãos aos pobres.
21. Não receia a neve por seus familiares, pois todos eles vestem agasalhos.
22. Faz cobertas para a sua cama; VESTE-SE DE LINHO FINO e de púrpura.
23. Seu marido é respeitado na porta da cidade, onde toma assento entre as autoridades da sua terra.
24. ELA FAZ VESTES DE LINHO E AS VENDE, e FORNECE CINTOS AOS COMERCIANTES.
25. Reveste-se de força e dignidade; sorri diante do futuro.
26. FALA COM SABEDORIA e ENSINA COM AMOR.
27. CUIDA DOS NEGÓCIOS DE SUA CASA e não dá lugar à preguiça.
28. Seus filhos se levantam e a elogiam; seu marido também a elogia, dizendo:
29. "Muitas mulheres são exemplares, mas você a todas supera".
30. A beleza é enganosa, e a formosura é passageira; mas a mulher que teme ao Senhor será elogiada.
31. Que ela receba a recompensa merecida, e as suas obras sejam elogiadas à porta da cidade. 

 



A QUESTÃO DA SUBMISSÃO

QUESTÃO DE HIERARQUIA

[9] Algumas passagens dizem que a esposa deve ser submissa ao marido (Ef 5:22 - Cl 3:18 - 1Pe 3:1) e o marido é o CABEÇA da mulher (Ef 5:23)

[10] A RELAÇÃO de "SER CABEÇA" e de SER SUBMISSA", ensinada na Escritura Sagrada (Bíblia), é uma relação de COOPERAÇÃO e de AMOR: (a) é uma relação de cooperação, uma vez que o marido PRECISA DA AJUDA DA ESPOSA (Gênesis 2:18) e, uma vez que o marido e a esposa DEPENDEM UM DO OUTRO (1Coríntios 11:11,12); (b) é uma relação de AMOR, uma vez que o marido DEVE, enfaticamente, AMAR A ESPOSA, NÃO tratando-a asperadamente (Cl 3:19 - Ef 5:25 - Ef 5:28 - Ef 5:33), e uma vez que a mulher, obviamente, também deve amar o marido (Tt 2:4); concluindo, essa RELAÇÃO NÂO tem nada a ver com AUTORITARISMO entre DITADOR e ESCRAVA. Essa RELAÇÃO é uma questão de HIERARQUIA, tais como:

(a) Os filhos devem ser submissos aos seus pais e os pais NÃO devem irritar os filhos (Ef 6:1-4);

(b) Os cidadãos devem ser submissos às AUTORIDADES GOVERNAMENTAIS, pois tais autoridades governamentais têm a obrigação de proteger os cidadãos; em caso de maridos violentos com a esposa, as AUTORIDADES GOVERNAMENTAIS devem proteger a mulher, através da DENÚNCIA do crime (Rm 13:1-6); a esposa NÃO se torna insubmissa por denunciar o marido violento à polícia, assim como um funcionário NÃO se torna insubmisso por denunciar o crime de um superior hierárquico da empresa. Cada um tem o seu papel, e o papel da autoridade governamental é punir aqueles que fazem o mal (Rm 13:1-6).

 

1Coríntios 11:11,12
11. Todavia, NEM O HOMEM é INDEPENDENTE DA MULHER, nem a mulher independente do homem, no Senhor.
12. Pois como a mulher proveio do homem, assim também o homem nasce da mulher, mas tudo vem de Deus.
 

 
Romanos 13:1-6
1. Todos devem sujeitar-se às AUTORIDADES GOVERNAMENTAIS, pois não há autoridade que não venha de Deus; as autoridades que existem foram por ele estabelecidas.
2. Portanto, aquele que se rebela contra a autoridade está se colocando contra o que Deus instituiu, e aqueles que assim procedem trazem condenação sobre si mesmos.
3. Pois os governantes não devem ser temidos, a não ser pelos que praticam o mal. Você quer viver livre do medo da autoridade? Pratique o bem, e ela o enaltecerá.
4. Pois é serva de Deus para o seu bem. Mas SE VOCÊ PRATICAR O MAL, TENHA MEDO, POIS ELA NÃO PORTA A ESPADA SEM MOTIVO. É serva de Deus, agente da justiça para PUNIR QUEM PRATICA O MAL.
5. Portanto, é necessário que sejamos submissos às autoridades, não apenas por causa da possibilidade de uma punição, mas também por questão de consciência.
6. É por isso também que vocês pagam imposto, pois as autoridades estão a serviço de Deus, sempre dedicadas a esse trabalho.
 
 
Hebreus 13:4
4. O casamento deve ser honrado por todos; o leito conjugal, conservado puro; pois Deus julgará os imorais e os adúlteros.
 

Efésios 5:22 (compare com Colossenses 3:18 e com 1Pedro 3:1)
22. Vós, mulheres, SUBMETEI-VOS a vossos MARIDOS, como ao Senhor.

 

[11] ANTIGAMENTE, alguns homens se divorciavam de suas esposas, por qualquer motivo (Mt 19:9), deixando-as, obviamente, SEM SUSTENTO.
Jesus diz que o ÚNICO motivo que justificaria um homem se divorciar da esposa seria se ela cometesse qualquer PECADO SEXUAL (grego: PORNEIA - G4202) (Mt 19:9); Jesus diz que, SE um homem se divorciar de sua esposa, SEM MOTIVO, e se casar como outra mulher, esse homem será ADÚLTERO; Jesus também diz que, SE um homem se casar com uma mulher repudiada (abandonada pelo marido), esse homem será ADÚLTERO (Mt 19:9); O texto NÃO diz que a mulher repudiada (abandonada pelo marido) que venha a se casar novamente seja considerada adúltera; os discípulos de Jesus, ao ouvir a explicação de Jesus, disseram que, então, NÃO seria conveniente que o HOMEM se casasse (Mt 19:10), mas Jesus respondeu que nem todos conseguem receber tal verdade (Mt 19:11)! MAS QUAL VERDADE?! Provavelmente, se trata da VERDADE de que os maridos estavam ERRADOS em abandonarem suas esposas, por qualquer motivo, e, provavelmente, se trata da VERDADE de que tal marido seria ADÚLTERO, caso se casasse com outra mulher!

[12] Um eunuco (grego: eunouchos G2135) , no sentido LITERAL, é um homem literalmente castrado; Um eunuco, no sentido NÃO LITERAL, pode ser uma pessoa (homem ou mulher) que tenha nascido com problemas sexuais (impotência, deformação, mutação) ou pessoas (homens ou mulheres) que tenham NÃO LITERALMENTE CASTRADO A SI MESMOS, com a finalidade de estarem, de acordo com o reino dos céus (Mt 19:12); MAS QUEM seriam essas pessoas que NÃO LITERALMENTE CASTRAM A SI MESMOS, por causa do reino dos céus?! TALVEZ se refiram a homossexuais que, POR DECISÃO PRÓPRIA, NÃO queiram ter prática de sexo homossexual, decidindo, POR SI MESMOS, ficarem solteiros/solteiras!

O DIREITO DAS ESPOSAS E DOS FILHOS NO ANTIGO TESTAMENTO

1. No ANTIGO Testamento, observa-se que a “bigamia” e “poligamia” não era algo proibido! Veja: 

(a) SE um homem pegasse “OUTRA esposa” para si, ALIMENTOS, ROUPAS e INTIMIDADE conjugal NÃO poderiam faltar a ela (ÊXODO 21:10); CASO o marido encontrasse alguma “nudez (“ERVAH” H6172)” na esposa, poderia dar a ela carta de DIVÓRCIO (“KERITUT” H3748) e mandá-la embora (“SHALACH” H7971) (Deuteronômio 24:1-3). 

2. A Bíblia em si NÃO explica o que seria essa tal de “nudez” (Deuteronômio 24:1); TALVEZ seja uma “nudez” não literal, talvez, uma “falta de respeito”! De qualquer forma, entende-se que o marido NÃO deveria dar carta de divórcio, por qualquer motivo, pelo seguinte: (a) na LEI do Antigo Testamento, há o mandamento para AMAR ao próximo (LEVÍTICO 19:18) – obviamente, a esposa é um próximo – e (b) o marido NÃO poderia trair a esposa – com a qual havia sido feita uma ALIANÇA (Malaquias 2:14,15) – pois Deus ODEIA quando o marido manda a mulher embora (“SHALACH” H7971) (Malaquias 2:16); 

(b) SE um homem tivesse DUAS esposas – uma favorita e outra preterida – e ambas dessem a ele filhos, mesmo que o filho primogênito fosse o da preterida, mesmo assim, o direito de receber a PORÇÃO DUPLA da herança teria que ser do primogênito, independente se era da preferida ou preterida (Deuteronômio 21:15-17).

 

O MARIDO DEVE AMAR A ESPOSA, ASSIM COMO CRISTO AMA A IGREJA 

1. O apóstolo Paulo diz EXPLICITAMENTE que o marido deve AMAR a esposa, assim como Cristo ama a igreja (EFÉSIOS 5:25); o que o apóstolo Paulo disse, de forma explícita, está IMPLÍCITO na LEI do Antigo Testamento, que diz – de forma GERAL – que devemos AMAR ao próximo (LEVÍTICO 19:18) e está IMPLÍCITO no que JESUS disse – de forma GERAL – que devemos AMAR ao próximo, ASSIM COMO ELE (JESUS) NOS AMOU (JOÃO 13:34); obviamente, a ESPOSA é uma pessoa próxima e NÃO há como negar isso! 

2. Embora, obviamente, a esposa deva AMAR o marido (TITO 2:4), a ÊNFASE é para o marido AMAR a esposa (EFÉSIOS 5:25)(Colossenses 3:19 - Efésios 5:28 - Efésios 5:33)(1Pedro 3:7 - Hebreus 13:4).